Spz Online - Sempre Ligado na Notícia

Notícias Polícia

Velocímetro de SW4 que se envolveu no acidente em Comodoro travou em 150km/h

Na van, 11 pessoas morreram e apenas uma sobreviveu.

Velocímetro de SW4 que se envolveu no acidente em Comodoro travou em 150km/h
Jornal O Diário Online
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Via Olhar Direto

O velocímetro da caminhonete SW4, que bateu de frente com uma van que transportava pacientes para fazerem hemodiálise em Rondônia, travou em 150 km/h no momento do impacto. Ao todo, 13 pessoas morreram na tragédia, ocorrida na madrugada deste sábado (30), na BR-174, em Comodoro.
 
Imagens divulgadas pelo Jornal O Diário Online mostram o velocímetro da caminhonete travado nos 150 km/h. A real velocidade do veículo ainda será apurada e apontada em laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). O acidente aconteceu próximo a uma curva.
 
A SW4 tem placas da cidade de Colombo (PR). Os ocupantes saíram de Ariquemes (RO) e seguiam com destino a região de Curitiba (PR). Apenas uma pessoa sobreviveu à tragédia neste veículo.
 
Na van, 11 pessoas morreram e apenas uma sobreviveu.
 
A Secretaria Municipal de Saúde de Comodoro relatou que 11 pessoas estavam na van que seguia para Vilhena, onde fariam tratamento de hemodiálise. Os pacientes transportados eram: João Alves Franco, José Luiz da Silva, Antônio Pereira Soares, Silvalda Souza Silva, Luiz Guslinski, Geraldo Aparecido, Cenre dos Santos e Mailon Rocha.
 
Na van também estavam duas acompanhantes de pacientes, identificadas como Aparecida Guslinski e Elenice Fernandes de Souza. Também morreu no acidente o servidor (motorista) Elias Santos.
 
Já na SW4 estavam as vítimas Márcio Coelho e Juliano Coelho. A lista com os nomes foi divulgada pelo secretário de Saúde do município, Fabio Carraro, que lamentou a tragédia.

FONTE/CRÉDITOS: Olhar Direto/Wesley Santiago
Comentários:

Veja também